O processo de trabalho do serviço social no sistema penitenciário

Autores

  • Tamires dos Santos Viegas

Resumo

O presente artigo de pós-graduação apresenta reflexões a respeito da pesquisa realizada com objetivo de analisar a prática profissional diante de projetos e ações sociais planejadas e desenvolvidas bem como atendimentos sociais oriundos de demandas espontâneas, identificadas e determinações judiciais ambos desempenhados pela assistente social no setor técnico da Penitenciária Modulada de Montenegro. O artigo iniciará com uma contextualização do campo sociojurídico, onde o sistema penitenciário encontra-se engendrado bem como as suas subdivisões, hierarquias e locais de atuação dos assistentes sociais na Superintendência dos Serviços Penitenciários. Ainda nesta primeira explanação haverá breves contextualizações sobre os profissionais institucionais, o público alvo e legislação pela qual o profissional encontra-se submetido. Posteriormente serão elucidados os projetos sociais desenvolvidos na penitenciária, abrangendo o planejamento, este visto como um processo com características técnico-políticas haja vista os movimentos de tomada de decisões, a operacionalização e a ação dos projetos destinados a pessoas em situação de prisão. Também abrange a importância de captar parceiros para a execução bem como contextualizar as possibilidades e atravessamentos identificados cotidianamente no sistema penitenciário. Desse modo, também serão demonstrados os limites e atravessamentos bem como possibilidades as quais o profissional de Serviço Social é submetido em suas intervenções. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2015-11-09

Edição

Seção

Artigos