v. 8, n. 9 (2013)

Quando foi o pós-colonial? Diálogos, perspectivas e limiares nas literaturas luso-africanas

Temos o prazer de trazer a público o número 9 da Revista Conexão, intitulada “Quando foi o pós-colonial? Diálogos, perspectivas e limiares nas literaturas luso-africanas”.

Através desta temática, propusemos a reflexão em torno de um dos temas mais polêmicos das literaturas de língua portuguesa hoje. Margarida Calafate Ribeiro (CALAFATE RIBEIRO, 2004, p. 1-3) diz que não há um pós-colonialismo, há pós-colonialismos. Hamilton evoca Russell Jacoby e Appiah para mostrar as diferenças relativas ao entendimento do pós-colonialismo: para uns refere-se a sociedades surgidas com a chegada dos colonizadores, para outros, ao período que se inicia com a independência. Para uns, o termo "colonial" refere-se apenas à América Latina, África e regiões da Ásia, para outros abrange também Canadá, Nova Zelândia e Austrália e EUA. Russel Hamilton esclarece que pós-colonial (assim, com hífen) refere-se a depois do período colonial, enquanto pós-colonial inclui elementos do colonialismo ou rejeita as instituições por ele impostas. Esta é uma das questões mais complexas em relação à situação africana. Se do ponto de vista temporal (histórico) reconhecer o pós-colonialismo é o maior respeito que se pode prestar àquelas nações, por outro, quando africanistas e africanos o negam , então, é preciso buscar suporte para a negação que vai além do econômico, não está vinculada unicamente à condição dos países no pós-independência, está na relação com o Ocidente e na visão de si próprio.  Assim, embora o conceito pós-colonial tenha se tornado uma palavra chave para afirmar nossa parte como sociedades multicultural e multirracial, sua importância é atualmente mais profunda.

Sumário

Apresentação

Apresentação
 
PDF

Artigos

Carmen Tindó Secco
PDF
Roger Friedlein
PDF
Regina Zilbeman
PDF
Agnaldo Rodrigues da Silva
PDF
Daniel Conte
PDF
Amilton Freire de Queiroz
PDF
Neiva Kampff Garcia
PDF
Gustavo Henrique Rückert
PDF
Rejane Seitenfuss Gehlen
PDF
Paula Terra Nassr
PDF
Luciana Morais da Silva
PDF
Luzia Oliva dos Santos, Antonio Aparecido Mantovani, Genivaldo Rodrigues Sobrinho
PDF
Marinês Andrea Kunz
PDF

Resenha

Nelson Mandela: Modesto Pleito a Madiba
Maria Manuela Araújo
PDF
Memórias de um sobrevivente: o fato que cria o escritor e o escritor que recria os fatos
Tiago Lopes Schiffner
PDF

Entrevista

Jane Tutikian
PDF