Os sujeitos e os sentidos: o caso de alunos de engenharia

Raquel Ribeiro Moreira, Vejane Gaelzer

Resumo


O presente trabalho procura analisar a produção de sentidos a respeito da violência contra crianças em textos acadêmicos de alunos de engenharias, tendo como pressuposto teórico a Análise de Discurso francesa. Para a AD, a “apreensão” dos sentidos acontece a partir de um gesto de interpretação. Segundo Orlandi (1997), esse gesto se dá sempre de algum lugar da história e da sociedade e tem uma direção, que é o que chamamos de política. Desse modo, sempre é possível apreender a textualização do político no gesto de interpretação. Tendo com parâmetro tal concepção, partimos de uma matéria jornalística sobre a relação abuso infantil/alienação parental, que serviu como base para uma produção textual (nosso corpus de análise), na qual era necessário discutir a temática abordada, relacionando os dados do texto trabalhado com os efeitos de sentido pelos alunos produzidos. Nosso objetivo é investigar os modos de simbolização feitos pelos acadêmicos em relação à tríade: pais, mães e filhos, e suas possíveis relações de abuso e violência. Para tanto, trabalharemos em uma análise qualitativa, a partir de dispositivos teóricos e metodológicos da Análise de Discurso. Observamos que esses sujeitos, mesmo oriundos de universos sociais e ideológicos diversos, costumam inscrever-se em uma ordem política mais conservadora, reforçando, quase sempre, uma perspectiva individualista e meritocrática, baseada na hierarquização e devida premiação das relações sociais. No caso específico que estamos analisando, seus textos apontam para efeitos de sentido conservadores que, em casos mais extremos, tentam manter o status quo, reforçando as divisas sociais e ideológicas perseguidas pelos seus defensores em outros aspectos sócio-discursivos.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22456/2594-8962.85035

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista Conexão Letras - Programa de Pós-Graduação em Letras da Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Instituto de Letras

Av. Bento Gonçalves, 9500 - Bairro Agronomia

CEP: 91540-000

www.seer.ufrgs.br/conexaoletras

E-mail de contato: revistaconexao.letras@gmail.com