A ESCUTA DE SI E OS JOGOS TEATRAIS COMO POSSÍVEIS CONTRIBUIÇÕES PARA A FORMAÇÃO DOCENTE

Rochele Resende Porto

Resumo


Este artigo vem demonstrar a pertinência de uma abordagem interdisciplinar na formação docente, a partir das perspectivas de pesquisadores como Edgar Morin e René Barbier, entrelaçadas as pedagogias da meditação tibetana e dos jogos teatrais. A proposta é consequência de uma experiência da dissertação, “Para além do ensaio: a meditação tibetana em um processo de criação cênica”, a qual direcionou a pesquisa para a formação docente com objetivo de criar uma metodologia que abranja a complexidade humana do professor.

Palavras-chave: educação, complexidade, escuta de si, meditação tibetana, jogos teatrais.


Palavras-chave


educação, complexidade, escuta de si, meditação tibetana, jogos teatrais.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.