OS ÉTUDES STANISLAVSKIANOS E O PRÊT-À-PORTER ANTUNIANO

Argus Cecil Nery Monteiro

Resumo


Esse artigo fala dos sistemas de trabalho do diretor russo Konstantin Sergeevitch Stanislavski – os etudes, e do diretor brasileiro Antunes Filho – o pret-a-porter, aonde ambos partem do trabalho do ator através de cenas improvisadas, e assim, o artigo descreve e analisa cada sistema de trabalho dos dois diretores citados, concluindo com a comparação de ambos os sistemas.

Palavras-chave


Teatro; Trabalho do Ator; Konstantin Stanislavski; Antunes Filho; Maria Knebel.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22456/2236-3254.83381





REVISTA CENA

Programa de Pós-graduação em Artes Cênicas
Rua General Vitorino, 255
Centro - Porto Alegre - RS - 90020-171

  

revistacena@ufrgs.br
(51)3308.4380