ESCRITAS DE SI NA OBSERVAÇÃO DO OUTRO

Cibele Sastre

Resumo


Este artigo apresenta experimentos realizados em pesquisa sobre a produção de conhecimentos em dança através de práticas performativas conduzidas por ferramentas de análise de movimento de LMA/BF através de improvisações mais ou menos estruturadas. Os experimentos aqui apresentados não representam o todo da pesquisa, mas ilustram como calouros de cursos superiores de dança entraram em contato com procedimentos que articulam prática e teoria através de proposições dançantes e alternâncias entre prática, observação e registro. A mediação dos fluxos das improvisações e as ferramentas oferecidas aos experimentos, ainda que não explicitamente nomeadas como um sistema de análise de movimento tornam-se estratégias de relação e cercam metodologicamente o tratamento dado aos experimentos. Conclui-se questões sobre a ampliação de noções de dança, bem como sobre a reflexividade das impressões da observação e leitura de movimento na escolha do que e como são registrados graficamente os movimentos pelos quais cada participante é afetado ao longo de uma improvisação. 


Palavras-chave


leitura de dança;LMA/BF;Registros Gráficos;Experimentos Pedagógicos; Improvisação.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22456/2236-3254.72669





REVISTA CENA

Programa de Pós-graduação em Artes Cênicas
Rua General Vitorino, 255
Centro - Porto Alegre - RS - 90020-171

  

revistacena@ufrgs.br
(51)3308.4380