FONTES ORAIS SOBRE O TEATRO EM PORTO ALEGRE: MEMÓRIAS DE DIRETORES SOBRE SUAS TRAJETÓRIAS ARTÍSTICAS NA PÓS-DITADURA

Clóvis Massa

Resumo


O trabalho examina a história do teatro gaúcho das últimas décadas a partir da visão de diretores e atores que tiveram sua formação no Departamento de Arte Dramática da Universidade Federal do Rio Grande do Sul e que integraram relevantes grupos de teatro durante o processo de redemocratização do país, ocorrido a partir do final dos anos 70. A pesquisa investiga a maneira encontrada pelos núcleos para a constituição de suas poéticas cênicas, quais eram as especificidades do teatro em Porto Alegre em relação às práticas correntes do fazer teatral do início da década e como os núcleos se relacionavam com a noção de teatro político daquele período. Utiliza-se do procedimento da história oral, por meio da realização de entrevistas em profundidade, para a obtenção de narrativas sobre as trajetórias e os espetáculos considerados por eles como sendo mais relevantes, a fim de apreender a sensibilidade de cada um acerca das experiências vividas.

 

 


Palavras-chave


Teatro em Porto Alegre. História oral; Teatro de grupo.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22456/2236-3254.53577





REVISTA CENA

Programa de Pós-graduação em Artes Cênicas
Rua General Vitorino, 255
Centro - Porto Alegre - RS - 90020-171

  

revistacena@ufrgs.br
(51)3308.4380