AUGUSTO BOAL: UMA HOMENAGEM

Silvia Balestreri Nunes

Resumo


A autora recorre a sua experiência direta com Augusto Boal, falecido em maio de 2009, e relata algumas realizações do teatrólogo quando de sua volta ao Brasil em meados da década de 80 do século passado. Ilustrado com exemplos colhidos em sua memória, com apontamentos pessoais e documentos da época, o texto presta uma homenagem ao diretor.


Palavras-chave


Augusto Boal; teatro do oprimido; CTO-Rio

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22456/2236-3254.11960





REVISTA CENA

Programa de Pós-graduação em Artes Cênicas
Rua General Vitorino, 255
Centro - Porto Alegre - RS - 90020-171

  

revistacena@ufrgs.br
(51)3308.4380