COM QUANTOS PASSOS SE FAZ UM CAMINHO? - UM OLHAR SOBRE AS METODOLOGIAS DE PESQUISA DE/EM DANÇA DO LABORARTE/UNICAMP

Márcia Strazzacappa

Resumo


O presente ensaio almeja contribuir para as discussões relativas à produção do conhecimento em dança e em educação a partir de reflexões acerca do modus operandi do Laboratório de Estudos sobre Arte, Corpo e Educação/Laborarte, grupo de pesquisa vinculado à Faculdade de Educação da Unicamp. Para isso, apresenta e analisa algumas pesquisas de Doutorado que foram desenvolvidas sob minha orientação, descrevendo o percurso entre o projeto inicial de doutoramento e os passos dados até a tese defendida. Como recorte, foram destacadas as seguintes teses - “Gente em cena: fragmentos e memórias da dança em Goiás” de Valéria Maria Chaves Figueiredo (2007), “Uma vida em dança: movimentos e percursos de Denise Stutz” de Lilian Freitas Vilela (2010) e “De como cadeiras se movem: escrevendo meu movimento, movimentando minha escrita, uma experiência A/R/Tográfica em dança” de Scheila Maçaneiro (2013)- que trouxeram contribuições pontuais relativas às metodologias de pesquisa de/em dança e promoveram uma (auto) formação das artistas-pesquisadoras-docentes.

 

Palavras-chave

Pesquisa de/em dança. Metodologia de Pesquisa. Formação em Dança. Artista-pesquisador-docente.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22456/2236-3254.111068

REVISTA CENA

Programa de Pós-graduação em Artes Cênicas
Rua General Vitorino, 255
Centro - Porto Alegre - RS - 90020-171

  

revistacena@ufrgs.br
(51)3308.4380