AS VOZES PELO CAMINHO DO MOVER: SOM, CINESTESIA E O SI MESMO COMO PROCESSO NA SOMÁTICA DO SISTEMA LABAN/BARTENIEFF

Daniel Magalhães de Andrade Lima

Resumo


O artigo se dedica a mapear, cruzar e agrupar saberes que abordam voz por uma perspectiva dos estudos do movimento desenvolvidos pelo Sistema Laban/Bartenieff. A pesquisa gira em torno, portanto, da construção de fundamentos para o trabalho vocal por parâmetros do mover. Durante tal processo, discussões ligadas aos desdobramentos propostos por autoras como Regina Miranda, Barbara Adrian e Bonnie Bainbridge Cohen são desenvolvidas. Frisa-se, assim, maneiras plurais de entender a voz como movimento, como perturbação espacial e como agente do mover. Por fim, se pontua a importância de um trabalho vocal na abertura de possibilidades de estar no mundo, reconhecendo a dinâmica entre escuta e produção vocal como uma que enfatiza os nossos processos de autoatualização.

 

Palavras-Chaves

Educação Somática. Voz. Sistema Laban/Bartenieff. Escuta.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22456/2236-3254.104242

REVISTA CENA

Programa de Pós-graduação em Artes Cênicas
Rua General Vitorino, 255
Centro - Porto Alegre - RS - 90020-171

  

revistacena@ufrgs.br
(51)3308.4380