A CONFERÊNCIA COMO ESTRATÉGIA DRAMATÚRGICA DE DESVIO

João Alberto Lima Sanches

Resumo


Este artigo discute estratégias dramatúrgicas que estruturam peças-conferência, ou conferências-espetáculo. O trabalho comenta exemplos dessas formas recorrentes na cena contemporânea e, como perspectiva teórica, baseia-se nas noções de crise do drama e desvio, formuladas respectivamente por Peter Szondi e por Jean-Pierre Sarrazac. O estudo também dialoga com o trabalho de outros artistas e teóricos como Fernando Kinas, Patrice Pavis e Cleise Mendes.

 

Palavras-chaves

Peça-conferência. Dramaturgia contemporânea. Desvio.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22456/2236-3254.103212

REVISTA CENA

Programa de Pós-graduação em Artes Cênicas
Rua General Vitorino, 255
Centro - Porto Alegre - RS - 90020-171

  

revistacena@ufrgs.br
(51)3308.4380