A PERSPECTIVA ENUNCIATIVA DE ÉMILE BENVENISTE: DESLOCAMENTOS PARA OS ESTUDOS TEXTUAIS

Raquel Veit Holme

Resumo


Este artigo tem como objetivo apresentar o modo como as pesquisas centradas em texto deslocam os princípios enunciativos da perspectiva de linguagem de Émile Benveniste para os estudos textuais. Por isso, parte-se do texto balizador da noção de enunciação, “O aparelho formal da enunciação”, com intuito de se apresentar os aspectos enunciativos e as questões relacionadas à passagem da língua ao discurso via ato enunciativo, para se evidenciar como as investigações relacionadas ao texto exploram as potencialidades teóricas, metodológicas e analíticas da enunciação nas abordagens textuais propostas. Para isso, são verificados estudos que propõem a noção de texto, de leitura e apresentam princípios enunciativos para análises textuais.


Palavras-chave


Enunciação; análise textual; princípios metodológicos

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22456/2236-6385.83657



Direitos autorais 2018 Cadernos do IL

 

Indexadores: 

   Resultado de imagem para diadorimImagem relacionada   Resultado de imagem para redib

Imagem relacionadaResultado de imagem para capes web qualisResultado de imagem para google acadêmico

 

E-ISSN 2236-6385 (versão eletrônica)

 

Contato: cadernosdoil@ufrgs.br

 

Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Programa de Pós-Graduação em Letras

Av. Bento Gonçalves, 9500 - Campus do Vale

CEP 91501-970

Porto Alegre/RS, Brasil