INTERCULTURALIDADE NO LIVRO DIDÁTICO DE ESPANHOL: O PONTO DE VISTA DO PROFESSOR E DOS ALUNOS

Joziane Ferraz de Assis, João Víctor de Almeida Silva

Resumo


Este artigo apresenta os resultados finais da pesquisa homônima desenvolvida na Universidade Federal de Viçosa com bolsa BIC-Júnior/CNPq/FAPEMIG/UFV. Nossas perguntas de pesquisa foram: “Para professores e alunos, há diálogo cultural nos livros didáticos de espanhol utilizados nos colégios?” e “Como se pode avaliar a utilização do livro didático de espanhol nas salas de aula desses sujeitos?”. Como referencial teórico, discutimos a concepção de cultura, as relações entre cultura e educação, a abordagem intercultural e o livro didático. Tratou-se de uma pesquisa de campo qualitativa e interpretativista. Os resultados apontaram uma concepção de diálogo cultural como apresentação da diversidade cultural e linguística dos povos de língua espanhola, desconsiderando as relações entre o universo cultural do aluno e os da língua estudada.

Palavras-chave


Diálogo cultural; Ensino médio; Livro didático.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22456/2236-6385.50760



Direitos autorais

 

Indexadores: 

   Resultado de imagem para diadorimImagem relacionada   Resultado de imagem para redib

Imagem relacionadaResultado de imagem para capes web qualisResultado de imagem para google acadêmico

 

E-ISSN 2236-6385 (versão eletrônica)

 

Contato: cadernosdoil@ufrgs.br

 

Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Programa de Pós-Graduação em Letras

Av. Bento Gonçalves, 9500 - Campus do Vale

CEP 91501-970

Porto Alegre/RS, Brasil