O INTRADUZÍVEL E A ESCRITA TRADUTÓRIA EM THE GOSPEL ACCORDING TO JESUS CHRIST

Tânia de Azevedo, Élida P. Ferreira

Resumo


Esse trabalho apresenta uma reflexão sobre a questão da (in)traduzibilidade a partir da concepção de tradução do autor Jacques Derrida, abordando a problemática da escrita tradutória em face da tradução não transparente do nome. Em The Gospel according to Jesus Christ, Pontiero traduz Saramago. O que se observa na tradução é que o texto traduzido transforma o chamado original, o que nos permite discutir uma nova concepção de tradução e suas contribuições para estudos da linguagem. Esse artigo visa a contribuir com estudos já realizados (OTTONI, 2005; FERREIRA, 2003, 2009; SISCAR 2000, SILVA, 2006; dentre outros) no Brasil, ampliando a discussão ao abordar também as questões de linguagens e representações.


Palavras-chave


Discurso; representações

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22456/2236-6385.42745



Direitos autorais

 

Indexadores: 

      

 

 

 

E-ISSN 2236-6385 (versão eletrônica)

 

Contato: cadernosdoil@ufrgs.br

 

Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Programa de Pós-Graduação em Letras

Av. Bento Gonçalves, 9500 - Campus do Vale

CEP 91501-970

Porto Alegre/RS, Brasil