NEGOCIANDO IDENTIDADES: UMA ANÁLISE DE PERSÉPOLIS E HASTA SIEMPRE, MUJERCITAS

Anelise Riva, Luciane Alves

Resumo


O tema da identidade tem suscitado inúmeras reflexões dentro do âmbito acadêmico das humanidades. Na área dos Estudos Culturais esta temática se destaca, perpassando diferentes tipos de análise, desde as que se voltam às questões referentes aos processos de globalização, onde as identidades parecem “repetir-se” nos diferentes cantos do planeta, até estudos relacionados aos trânsitos dos sujeitos por diferentes culturas, o estrangeiro e sua posição identitária e a problemática dos estereótipos. Com base nestes questionamentos, escolhemos como objeto de análise as obras ficcionais Persépolis, da iraniana Marjane Satrapi, e Hasta siempre, Mujercitas, da escritora chilena Marcela Serrano, que parecem significativas para a reflexão sobre a identidade na pós-modernidade à luz dos Estudos Culturais.

Palavras-chave


Estudos culturais

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22456/2236-6385.26062



Direitos autorais

 

Indexadores: 

      

 

 

 

E-ISSN 2236-6385 (versão eletrônica)

 

Contato: cadernosdoil@ufrgs.br

 

Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Programa de Pós-Graduação em Letras

Av. Bento Gonçalves, 9500 - Campus do Vale

CEP 91501-970

Porto Alegre/RS, Brasil