O MOVIMENTO RETÓRICO DAS INTRODUÇÕES DE ARTIGOS CIENTÍFICOS EM LÍNGUA ITALIANA

Patrícia Fabiana Bedran

Resumo


A introdução de artigos científicos vem sendo objeto constante de estudos de pesquisadores que buscam divulgar as instruções sobre o conteúdo linguístico bem com a estrutura argumentativa que compõe o discurso introdutório em uma tentativa de padronização, como podemos observar em Swales (2004), Duszak (1995) e Aranha (2006). Partindo dessa mesma perspectiva, objetivamos investigar as evidências linguísticas e a estrutura argumentativa em introduções desse gênero – artigo científico – em duas diferentes áreas do conhecimento: ornitologia e tecnologia, em uma língua ainda pouco explorada em pesquisas sobre gêneros, a italiana, a fim de verificar a aplicabilidade do modelo CARS (Creat a Research Space), proposto inicialmente por Swales (1997) e revisto por Aranha (2006). Os dados obtidos por meio dessa análise apontam que esse modelo é aplicável às introduções publicadas em língua italiana, mas que, por outro lado, a área do conhecimento exerce uma influência considerável nas escolhas linguísticas, na seleção e na organização dos movimentos e passos que configuram a constituição da introdução desses artigos.


Palavras-chave


gênero – movimentos e passos – introdução – italiano – modelo CARS (Creat a Research Space)

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22456/2236-6385.24995



Direitos autorais

 

Indexadores: 

   Resultado de imagem para diadorimImagem relacionada   Resultado de imagem para redib

Imagem relacionadaResultado de imagem para capes web qualisResultado de imagem para google acadêmico

 

E-ISSN 2236-6385 (versão eletrônica)

 

Contato: cadernosdoil@ufrgs.br

 

Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Programa de Pós-Graduação em Letras

Av. Bento Gonçalves, 9500 - Campus do Vale

CEP 91501-970

Porto Alegre/RS, Brasil