A sílaba: uma breve revisão

Taíse Simioni

Resumo


O presente texto tem por objetivo realizar uma revisão sobre a sílaba como um constituinte prosódico. Para tal, optamos por trazer noções básicas envolvidas em qualquer discussão sobre a sílaba: a estrutura deste constituinte prosódico, sua formação, ou seja, como as palavras são escandidas em sílabas, e os argumentos favoráveis à sua existência como um constituinte prosódico. Sobre a estrutura da sílaba, trazemos propostas teóricas que divergem sobre a existência de constituintes subsilábicos. A respeito da formação da sílaba, discutimos brevemente sobre os templates, as restrições colocacionais e o princípio de maximização do ataque, tomando como referência, principalmente, o português brasileiro. Por fim, trazemos argumentos que mostram a necessidade da sílaba como um constituinte prosódico.

PALAVRAS-CHAVE: Sílaba; Constituintes silábicos; Teoria 


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22456/2236-6385.17625



Direitos autorais

 

Indexadores: 

   Resultado de imagem para diadorimImagem relacionada   Resultado de imagem para redib

Imagem relacionadaResultado de imagem para capes web qualisResultado de imagem para google acadêmico

 

E-ISSN 2236-6385 (versão eletrônica)

 

Contato: cadernosdoil@ufrgs.br

 

Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Programa de Pós-Graduação em Letras

Av. Bento Gonçalves, 9500 - Campus do Vale

CEP 91501-970

Porto Alegre/RS, Brasil