Alterações ambientais urbanas na Área da Bacia Hidrográfica da Barragem Mãe D'Água: Evolução da Ocupação e do Usoco da Terra

Nina Simone Vilaverde Moura FUJIMOTO

Resumo


Este trabalho consiste em uma análise das alterações ambientais decorrentes da urbanização a partir da evolução da cobertura vegetal e do uso da terra em uma sub-bacia pertencente à bacia hisdrográfica do Arroio Dilúvio, situada na Região Metropolitana de Porto Alegre, Estado do Rio Grande do Sul. Para a realização deste estudo, fez-se necessário conhecer os mais importantes elementos indicadores das condições ambientais em diferentes fases temporais: antes ou durante a expansão urbana; imediatamente antes e durante as principais intervenções antrópicas e depois das principais intervenções decorrentes do processo de expansão urbana. Com isso, o processo de evolução da cobertura vegetal e o uso da terra expressaram as relações sócio-econômicas do território, revelando a apropriação da natureza pela sociedade e suas alterações ambientais. O reconhecimento das condições ambientais no momento de ruptura das direções processuais naturais foi fundamental para a avaliação das alterações dos processos antrópicos em relação aos processos naturais originais.

Palavras-chave


análise ambiental; urbanização; alteração ambiental; região metropolitana; evolução do uso da terra.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


O BGG é uma publicação da Associação dos Geógrafos Brasileiros - Seção Porto Alegre

Endereço / Address:Rua Uruguai nº 35 sala 426, Centro

CEP: 90010-140 

Porto Alegre - RS - Brasil

Telefone / Phone: 55 51 3019-8190 

Contato/mail to: boletimgauchodegeografia@ufrgs.br