Johann Moritz Rugendas: entre a pintura de paisagem e a construção de tipologias tropicais

Autores

  • Antonio Carlos VITTE Departamento de Geografia / Programa de Pós-Graduação em Geografia / Instituto de Geociências / Universidade Estadual de Campinas
  • Vonei Ricardo CENE Instituto de Geociências / Universidade Estadual de Campinas

Palavras-chave:

Rugendas, Cartografia, Iconografia, Paisagem, Tipologias, Brasil

Resumo

Este artigo pretende demonstrar como a partir do intercruzamento entre ossaberes advindos da iconografia e da pintura de paisagens, fortemente influenciados por Alexander von Humboldt e pela filosofia estética, Johann Moritz Rugendas construiu uma concepção de paisagem e de tipologias devida no mundo tropical, a partir de seu trabalho como ilustrador da expedição científica de Langsdorff (1821-1929) ao Brasil. Como metodologia de trabalho,utilizamos uma associação entre o contextualismo histórico e a hermenêutica. As representações pictóricas da paisagem brasileira realizadas por Rugendas através de sua concepção de natureza e de tipologias sociais contribuíram para formar uma representação simbólica do Brasil como paísem fase de formação e com uma identidade social que estava sendo simbolicamente construída pela elite política.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Antonio Carlos VITTE, Departamento de Geografia / Programa de Pós-Graduação em Geografia / Instituto de Geociências / Universidade Estadual de Campinas

Possui graduação em Geografia pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (1989) e doutorado em Geografia (Geografia Física) pela Universidade de São Paulo (1998). Atualmente é MS3 - assistente doutor da Universidade Estadual de Campinas. Pesquisador Nível 2 CNPq. Atua nas seguintes linhas de pesquisa: História e Epistemologia da Geografia, com destaque para a história e a epistemologia da Geografia Física; Relações entre a Filosofia Kantiana e Gênese da Geografia Moderna, fragilidade ambienal, degradação ambienal, geoecologia da paisagem, geopolítica ambiental

Vonei Ricardo CENE, Instituto de Geociências / Universidade Estadual de Campinas

Mestrando em Geografia pela Unicamp. Graduado em Geografia (licenciatura e bacharelado) pela Universidade Estadual de Campinas. Atua principalmente nos seguintes temas: Geografia Humana: História do Pensamento Geográfico, Alexander von Humboldt, Conceito de Paisagem, História da Cartografia e Espaço Geográfico; Geografia Física: Uso e Ocupação da terra, Uso da terra em Zonas Costeiras e Dinâmica das Zonas de Mangues. Integrante do Grupo de Pesquisa "Geografia: Epistemologia, História e Ambiente". Membro da Diretoria da AGB-Campinas (2010-2012), onde atua como Coordenador de Eventos.

Downloads