Apresentação - Introduction

Terciane Ângela Luchese, Brasil, Alberto Barausse, Italia

Resumo


No ano de 2015 comemoramos os 140 anos de história da colonização italiana no Estado do Rio Grande do Sul. Tal momento ofereceu a oportunidade de retomarmos com maior ímpeto um campo de estudo que há algum tempo é fonte de interesse de historiadores italianos e brasileiros. A oportunidade permitiu pensar sistemática e organicamente aspectos menos conhecidos e estudados que estão relacionadas com o fenômeno: as experiências e os fatores que caracterizaram e acompanharam os processos de educação, de formação e cultura dos imigrantes italianos no Estado e no Brasil, no século 19 e 20. Como se sabe, diferentes foram as iniciativas e reflexões promovidas, tanto na Itália como no Brasil, visando aqueles que estavam destinados a países no exterior. Assim como muitos foram os assuntos, institucionais, associativos ou pessoais que estiveram envolvidos que merecem atenção investigativa e novos olhares da história e da história da educação.

Palavras-chave


Imigração. Escolas étnicas. Livros escolares.

Texto completo:

PDF

Referências


AMBROSOLI, Luigi, L’istruzione degli emigrante nella lotta contro l’analfabetismo in Italia tra Ottocento e Novecento. In: BRUSA, Carlo; GHIRINGHELLI, Robertino (a cura di.). Emigrazione e território: tra bisogno e ideale. Varese: Lativa, 1995, p.63-74.

BARAUSSE, Alberto. Os livros escolares como instrumentos para a promoção da identidade nacional italiana no Brasil durante os primeiros anos do fascismo (1922-1925). Hist. Educ. (Online), Porto Alegre, v. 20, n. 49, 2016, p. 81-94.

BARAUSSE, Alberto. The construction of national identity in textbooks for Italian schools abroad: the case of Brazil between the two World Wars. History of Education & Children’s Literature, v. X, n. 2, 2015, p. 425-461.

CIAMPI, Gabriella. Le scuole italiane all’estero. In: PELLEGRINI, Vincenzo (ed.). Amministrazione centrale e diplomazia italiana (1919-1943): fonti e problemi. Roma: Istituto Poligrafico e Zecca dello Stato, 1998, p. 115-122.

CONFESSORE, Ornella. Origini e motivazioni dell’Associazione nazionale per soccorrere i missionari cattolici italiani: una interpretazione della politica estera dei conciliatoristi nel quadro dell’espansionismo crispino. Bollettino dell’Archivio per la Storia del Movimento Sociale Cattolico in Italia, v. XI, n. 2, 1976, p. 239-267.

CONFESSORE, Ornella. L’Associazione nazionale per soccorrere i missionari cattolici italiani, tra spinte civilizzatrici e interesse migratorio (1887-1908). CONVEGNO STORICO INTERNAZIONALE, 12, 1987. Atti ... Roma: Centro Studi Emigrazione, 1989, p. 519-536.

DELL’AIRA. Alessandro. Longo estudo, grande amor: história do Istituto Medio Italo-Brasiliano Dante Alighieri de São Paulo. São Paulo: Annablume, 2011.

FRANCHINI, Fernanda. Entre Vargas e Mussolini: a nacionalização do Instituto Médio Ítalo-Brasileiro Dante Alighieri. São Paulo: USP, 2015. 158f. Dissertação (mestrado em Educação). Programa de Pós-Graduação em Educação, Universidade de São Paulo.

FRANZINA, Emílio e SANFILIPPO, Matteo. Il fascismo e gli emigranti. Bari: Laterza, 2003.

FRANZINA, Emílio. La grande emigrazione: l’esodo dei rural dal Veneto durante il secolo 19. Venezia: Marsilio 1976.

GIRON, Loraine Slomp. Colônia italiana e educação. Hist. Educ. (Online), Porto Alegre: Asphe, v. 2, n. 3, 1998, p. 87-106.

LUCHESE, Terciane Ângela. O processo escolar entre imigrantes no Rio Grande do Sul. Caxias do Sul: UCS, 2015.

LUCHESE, Terciane Ângela (org.). História da escola dos imigrantes italianos em terras brasileiras. Caxias do Sul: UCS, 2014.

LUCHESE, Terciane Ângela; RECH, Gelson L. O processo escolar entre imigrantes italianos e descendentes no Rio Grande do Sul (1875-1914). In: LUCHESE, Terciane Ângela (org.). História da escola dos imigrantes italianos em terras brasileiras. Caxias do Sul: UCS, 2014, p. 255-281.

MASCHIO, Elaine C. F. Celebrating Italianità: the teaching of the Italian language and culture in ethnic schools in Paraná, Brazil. History of Education & Children's Literature, v. X, 2015, p. 139-154.

MASCHIO, Elaine C. F. Escolas da imigração italiana no Paraná: a constituição da escolarização primária nas colônias italianas. In: LUCHESE, Terciane Ângela (org.). História da escola dos imigrantes italianos em terras brasileiras. Caxias do Sul: UCS, 2014, p. 213-231.

MYERS, Kevin. Immigrants and ethnic minorities in the history of education. Paedagogica Historica, v. 45, n. 6, 2009, p. 801-816.

MIMESSE PRADO, Eliane. Acondicionamento das escolas de primeiras letras paulistas no período que compreende os anos de 1877 e 1910. In: LUCHESE, Terciane Ângela (org.). História da escola dos imigrantes italianos em terras brasileiras. Caxias do Sul: UCS, 2014, p. 185-211.

MORETTO RIBEIRO, Liane B. Escolas italianas em zona rural do Rio Grande do Sul. In: DE BONI, Luís A. A presença italiana no Brasil. Vol. II. Porto Alegre: EST; Torino: Fondazione Giovanni Agnelli,1990, p. 555-576.

OTTO, Claricia. Escolas italianas em Santa Catarina: disputas na construção da identidade. In: LUCHESE, Terciane Ângela (org.). História da escola dos imigrantes italianos em terras brasileiras. Caxias do Sul: UCS, 2014, p. 233-253.

PAGANI, Carlo. A formação das escolas italianas no estado do Rio de Janeiro (1875-1920). In: LUCHESE, Terciane Ângela (org.). História da escola dos imigrantes italianos em terras brasileiras. Caxias do Sul: UCS, 2014, p. 147-183.

PETRONE, Pasquale. Italianos e descendentes do Brasil: escola e língua. In: DE BONI, Luís A (org.). A presença italiana no Brasil. Vol. II. Porto Alegre: EST; Torino: Fondazione Giovanni Agnelli, 1990, p. 603-626.

PRETELLI, Matteo. Il fascismo e gli italiani all’estero. Bolonha, Itália: Clueb, 2010.

RODRIGUES, Maysa G. Imigração e educação em Minas Gerais: histórias de escolas e escolas italianas. In: LUCHESE, Terciane Ângela (org.). História da escola dos imigrantes italianos em terras brasileiras. Caxias do Sul: UCS, 2014, p. 101-146.

ROSOLI, Gianfausto. La Federazione Italica Gens e l’emigrazione italiana oltreoceano 1909-1920. Il Veltro, v. XXXIV, n. 1-2, 1990, p.87-74.

ROSOLI, Gianfausto Alfabetizzazione e iniziative educative per gli emigrati tra Otto e Novecento. In: PAZZAGLIA, Luciano (ed.). Cattolici, educazione e trasformazioni socio-culturali in Italia tra otto e novecento. Brescia: La Scuola, 1999, p. 119-144.

SALVETTI, Patrizia. Immagine nazionale ed emigrazione nella Societá Dante Alighieri. Roma: Bonacci, 1995.

SALVETTI, Patrizia. Le scuole italiane all’estero. In: BEVILACQUA Piero; DE CLEMENTI, Andreina; FRANZINA, Emilio (orgs.). Storia dell’emigrazione italiana: II arrivi. Roma: Donzelli, 2002, p. 535-549.

SIMÕES, Regina H. Silva e FRANCO, Sebastião P. Instrução pública e imigração italiana no estado do Espírito Santo, no século XIX e início do século XX. In: LUCHESE, Terciane Ângela (org.). História da escola dos imigrantes italianos em terras brasileiras. Caxias do Sul: UCS, 2014, p. 79-99.

VIRTUOSO, Tatiane dos S. Disputas de identidades: a nacionalização do ensino em meio aos ítalo-brasileiros (1900-1930). Florianópolis: UFSC, 2008. 142f. Dissertação (mestrado em Educação). Programa de Pós-Graduação em Educação, Universidade Federal de Santa Catarina.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.
';



 

 

====================================================================


REVISTA HISTÓRIA DA EDUCAÇÃO / HISTORY EDUCATION JOURNAL

QUALIS/CAPES 2016: Educação - A1 / Ensino - A1 / História - A2 / Interdisciplinar - A2 / Direito - A2 / Linguística e Literatura - B1 / Administração Pública e de Empresas, Ciências Contábeis e Turismo - B1

ISSN online: 2236-3459

E-mail: rhe.asphe@gmail.com

 

REDES SOCIAIS / SOCIAL NETWORKS

 

                   




INDEXADORES / INDEXERS

 

                  

 

 

 

              

 

 

                    

 

 

 

 

                  

 

 

                       

 

 

                    

 

 

                              

 

 

                    

 

 

                     

 

 

 

PATROCINADORES E APOIADORES / SPONSORS AND SUPPORTERS

 

                            

 

 

              

 

 

 

AGÊNCIAS DE FOMENTO / DEVELOPMENT AGENCIES