Análise de plantas de apartamentos em João Pessoa, PB (1980-2016): renovações e reproduções nos arranjos espaciais

Autores

  • Aline da Silva Carolino Universidade Federal da Paraíba (UFPB)
  • Marcio Cotrim Cunha FAU-UFBA | Faculdade de Arquitetura e Urbanismo Universidade Federal da Bahía
  • Cristiana Griz Professora Adjunto | Depto. Expressão Gráfica | UFPE Pesquisadora do Laboratório de Estudos Avançados em Arquitetura | lA2

Palavras-chave:

Plantas tipo, Edifícios de apartamento, Configuração espacial

Resumo

Este artigo apresenta parte de dissertação que analisa exemplares de projetos de apartamento na cidade de João Pessoa, construídos entre 1980 e 2016. A pesquisa trata da evolução do produto apartamento, do ponto de vista do mercado e da pesquisa acadêmica em Arquitetura e Urbanismo. Tem como objetivo final analisar as plantas de apartamento na cidade de João Pessoa, visando à identificação de reproduções e renovações nos arranjos espaciais. A pesquisa tem como base analítica e metodológica aspectos ligados às questões funcionais do espaço (o programa de necessidades), às suas questões dimensionais (áreas totais, de setores e ambientes) e à configuração do espaço (através da sintaxe espacial). O método adotado buscou encontrar padrões de repetição nas plantas e suas alterações em perspectiva diacrônica. Os resultados encontrados demonstram que os projetos ofertados pelo mercado imobiliário no recorte analisado apresentam renovações que subvertem padrões históricos da moradia brasileira, além de reproduções de características que aparecem quase cristalizadas no espaço doméstico das plantas de apartamento. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Aline da Silva Carolino, Universidade Federal da Paraíba (UFPB)

Possui graduação em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Federal da Paraíba (2012), concluiu Mestrado em Arquitetura e Urbanismo pela mesma instituição (2019) e foi membro do Laboratório de Pesquisa Projeto e Memória entre 2016 e 2018 (LPPM/UFPB). Tem experiência na área de Arquitetura e Urbanismo, com ênfase em Projeto de Arquitetura e Urbanismo, atuando principalmente nos seguintes temas: edifícios de apartamento, projetos de habitação multifamiliar e apartamentos residenciais.

Marcio Cotrim Cunha, FAU-UFBA | Faculdade de Arquitetura e Urbanismo Universidade Federal da Bahía

Doutor em Teoria e História da Arquitetura pela ETSAB Universitat Politècnica de Catalunya (2008) e Mestre pela mesma instituição (2002- com título revalidado pela UFMG em 2003). Desde 2018 é pesquisador nível 2 com Bolsa Produtividade (PQ) pelo CNPq. É Professor Associado I, recém lotado no Núcleo de Teoria, História, Projeto e Planejamento, da Faculdade de Arquitetura da Universidade Federal da Bahia, bem como do Programa de Pós-Graduação em Arquitetura e Urbanismo da UFBA (Mestrado e Doutorado). Foi Professor do Departamento de Arquitetura e Urbanismo do Centro de Tecnologia da Universidade Federal da Paraíba de 2011 a 2019. É Professor do Programa de Pós-Graduação em Arquitetura e Urbanismo da UFPB (Mestrado e Doutorado), programa do qual foi o coordenador entre 2013 e 2016. Entre 2008 e 2015 foi um dos editores da seção espanhola do Portal Vitruvius. Entre 2013 e 2016 participou de duas diretorias da ANPARQ - Associação Nacional de Pesquisa e Pós-graduação em Arquitetura e Urbanismo. Foi membro do corpo editorial fundador da revista Thésis da ANPARQ, entre 2015 e 2017, e fez parte do Conselho Consultivo do Docomomo Brasil (2016/2017). Atualmente é um dos editores fundadores do Revista Docomomo Brasil e pesquisador dos grupos de pesquisas: Projeto e Memória (LPPM-UFPB); Cultura, Arquitetura e Cidade na América Latina (CACAL-USP); e Espaço doméstico: múltiplas dimensões (UFRGS). Foi visiting scholar na School of Architecture The University of Texas at Austin (US), entre 2017 e 2018, onde ministrou aulas na graduação e pós-graduação. Tem textos publicados em diversos periódicos nacionais e internacionais. Entre outros, é autor dos livros: Vilanova Artigas. Casas paulistas. São Paulo: Romano Guerra, 2017 e Arquitecturas de lo cotidiano La obra de Ribas Arquitectos 1960-2007. São Paulo: Romano Guerra, 2008. Faz parte do Comitê Científico do 27 Congresso Mundial de Arquitetos UIA 2020 RIO

Cristiana Griz, Professora Adjunto | Depto. Expressão Gráfica | UFPE Pesquisadora do Laboratório de Estudos Avançados em Arquitetura | lA2

Possui graduação em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Federal de Pernambuco (1998), mestrado (2004) e doutorado (2012) em Desenvolvimento Urbano pela Universidade Federal de Pernambuco. Atualmente é Professora Adjunto do Departamento de Expressão Gráfica da Universidade Federal de Pernambuco, professora colaboradora do Programa em Pos-graduação em Arquitetura e Urbanismo da UFPB, pesquisadora do Laboratório de Estudos Avançados em Arquitetura (lA2) da UFPE e do Diaproj da UFPB. Tem experiência na área de Arquitetura e Urbanismo, com ênfase em Projetos da Edificação, atuando principalmente nos seguintes temas: projeto arquitetônico, sintaxe espacial, Design Generativo, gramática da forma, prototipagem rápida, fabricação digital, programação visual.

Downloads

Publicado

2020-07-07

Edição

Seção

Simpósio Brasileiro de Qualidade do Projeto no Ambiente Construído