Avaliação de alternativas direcionadas à redução do consumo de água potável em residências: estudo de caso em Caruaru, PE, Brasil

Jose Matheus Bezerra dos Santos Amorim, Isaura Macêdo Alves, Saulo de Tarso Marques Bezerra, Lyanne Cibely Oliveira de Sousa, Armando Dias Duarte

Resumo


Em um cenário de crise hídrica, como o vivenciado pelo Agreste Brasileiro nos últimos anos, a sustentabilidade do abastecimento de água tem sido tema de inúmeras investigações. Nesse sentido, esta pesquisa abordou o estudo da implantação hipotética de alternativas tecnológicas direcionadas à redução do consumo de água potável em residências de Caruaru, PE. As alternativas adotadas foram avaliadas segundo uma perspectiva multicritério, considerando critérios ambientais, técnicos, econômicos e sociais, identificados por meio de projetos, pesquisas de mercado e entrevistas com moradores e especialistas. Com a aplicação do método Promethee II, foi possível verificar que a implantação de equipamentos economizadores seria a alternativa mais indicada para a região. A redução no consumo de água dessa alternativa foi de 29,11%, enquanto o tempo de retorno do investimento foi estimado em 16 meses. O elevado prazo para recuperar o capital das demais alternativas evidencia a necessidade de políticas governamentais que ofereçam incentivos financeiros à população, de modo a impedir que as condições socioeconômicas da região sejam o principal entrave para a adoção de práticas de conservação dos recursos hídricos.


Palavras-chave


Gestão de recursos hídricos; captação de água de chuva; equipamentos economizadores; gestão da demanda de água; reuso de águas cinzas; Promethee.

Texto completo:

HTML




Direitos autorais 2020 Ambiente Construído

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Indexado em: