Planejamento de médio prazo: panorama de sua aplicação na construção civil

Vanessa Lira Angelim, Thais da Costa Lago Alves, Mariana Monteiro Xavier de Lima, José de Paula Barros Neto

Resumo


O planejamento de médio prazo (PMP) consiste em uma etapa de planejamento do Last Planner System (LPS), destacando-se como estratégia primordial para garantir a concretização dos planos estabelecidos no planejamento de longo prazo no nível operacional de projetos de construção. Este artigo adota uma abordagem metodológica teórico-conceitual fundamentada em uma revisão sistemática da literatura (RSL), com o objetivo de analisar o atual cenário de uso do PMP. Os resultados obtidos apontam existência de amplo conjunto de práticas no PMP, que podem ser usadas em futuras pesquisas, bem como incorporadas no processo de planejamento e controle da produção por empresas construtoras. Entretanto, constatou-se generalizada ineficiência em sua utilização. Conclui-se que são necessárias mais pesquisas que promovam o estabelecimento eficiente do PMP nos projetos de construção dado o seu reconhecido impacto na remoção de restrições relativas às atividades a serem executadas e consequente relação com a geração de fluxo contínuo nos projetos. Também foram identificadas lacunas na literatura referentes ao impacto do PMP no desempenho dos projetos e quanto à aplicação o Building Information Modeling (BIM) no auxilio das funções do PMP.


Palavras-chave


Planejamento de médio prazo; Last Planner System (LPS); Planejamento de Obras

Texto completo:

HTML




Direitos autorais 2019 Ambiente Construído

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Indexado em: