Organização e representação do conhecimento: um estudo aplicado aos documentos de gestão da qualidade

Maria Aparecida Steinherz Hippert, Ricardo Manfredi Naveiro

Resumo


Este trabalho apresenta uma proposta de estrutura para organizar o conhecimento sobre materiais e serviços de construção utilizados por empresas de edificações. O trabalho tem início com uma revisão bibliográfica sobre a organização do conhecimento, utilizando o sistema de classificação facetado e as diretivas propostas pela norma ISO, para a classificação da informação na indústria da construção civil. Uma proposta de estrutura foi elaborada e aplicada na organização do conhecimento disponível no sistema de qualidade de uma pequena empresa construtora. A estrutura proposta pode ser considerada como uma estrutura genérica, que deverá ser adaptada por cada empresa interessada em aplicá-la. A ênfase do trabalho está na elaboração da estrutura segundo a classificação facetada, com o estabelecimento dos termos e conceitos relacionados a essa área do conhecimento. A proposta contribui para a reorganização e a otimização do conhecimento em construção civil, que se encontra disperso nas diversas áreas relacionadas à gestão da construção, sobretudo o conhecimento relativo aos materiais e serviços envolvidos no processo da construção.


Palavras-chave


Gestão da qualidade. Conhecimento. Classificação facetada.

Texto completo:

PDF




Direitos autorais 2016 Ambiente Construído

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Indexado em: