Estudo do comportamento reológico de pastas de cimento contendo resíduo catalítico de petróleo por squeezeflow e reometria rotacional

Francisco Gabriel Santos Silva, Heloysa Martins Carvalho Andrade, Jardel Pereira Gonçalves

Resumo


O craqueamento catalítico em leito fluidizado (FCC) é usado para melhorar a eficiência do refino de petróleo e o resíduo catalítico gerado é denominado como “catalisador de equilíbrio” (Ecat). O seu uso em matrizes cimentícias vem sendo estudado por diversos laboratórios de pesquisas internacionais, avaliando a sua influência na pozolanicidade, comportamento mecânico, formação de produtos hidratados e durabilidade. Entretanto, sua influência na reologia de pastas de cimento ainda é pouco conhecida. Neste trabalho foi avaliada a influência do Ecat no comportamento reológico de pastas de cimento utilizando teores de substituição do cimento pelo resíduo em 10%, 20%, 30% e 40% em massa. Foram avaliados o tempo de pega e o comportamento reológico ao longo do tempo por meio dos ensaios de mesa de consistência, squeezeflow e reometria rotacional. Os resultados mostraram que o uso do Ecat influenciou no tempo de pega e no comportamento reológico das pastas estudadas. O módulo de fluidez proposto para o ensaio de squeezeflow se mostrou eficiente na análise do comportamento reológico das pastas estudadas.


Palavras-chave


Pasta de cimento; reologia; tempo de pega; Ecat

Texto completo:

HTML




Direitos autorais 2018 Ambiente Construído

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Indexado em: