Isolamento do ruído de impacto de pisos em baixa frequência com fontes normalizada e não normalizada

Autores

  • Ana Maria Schuch Araújo Universidade Federal da Fronteira Sul
  • Stephan Paul Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC)
  • Erasmo Felipe Vergara Universidade Federal de Santa Catarina

Palavras-chave:

Ruído de impacto em pisos, Baixas Frequências, Material resiliente

Resumo

O objetivo do presente trabalho foi avaliar o nível de pressão sonora gerado por diferentes tipos de fontes sonoras de impacto em edificações, nas frequências compreendidas entre 80 e 400 Hz, utilizando diferentes combinações de piso e material resiliente no sistema piso flutuante. Foram realizadas medições com duas fontes geradoras de ruído de impacto, sendo uma máquina de impacto normalizada modificada e uma não normalizada (pera de 5 kg). Três tipos de piso (laje em osso, cerâmico e laminado) e dois materiais resilientes (lã de vidro e EVA) e quatro posições de fonte de ruído formaram as combinações nas medições realizadas. A partir dos dados analisados, onde foram realizadas análises com 4, 12 e 16 posições de microfone, concluiu-se que para a fonte normalizada o nível de pressão de ruído de impacto (Ln,T) apresentou variações conforme o tipo de material resiliente utilizado, já para a fonte não normalizada os resultados do nível de pressão sonora de impacto máximo (Li,Fmax) se diferem pelo tipo de piso usado, principalmente na banda de 80 Hz. Neste caso o material resiliente influencia também nos níveis de pressão sonora, mas não tanto quanto influencia nos níveis de pressão sonora da fonte padronizada.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Ana Maria Schuch Araújo, Universidade Federal da Fronteira Sul

Ana Maria Schuch Araújo, Programa de Pós-graduação em Engenharia Civil (PPGEC), Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), CEP 97105-900, Santa Maria - RS e Curso de Arquitetura e Urbanismo, Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS), CEP 99709-330, Erechim – RS, Tel. (54) 3321-7050, E-mail: ana.araujo@uffs.edu.br

Stephan Paul, Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC)

Programa de Pós-graduação em Engenharia Civil (PPGEC), Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), CEP 97105-900, Santa Maria - RS e Laboratório de Vibrações e Acústica, Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), CEP 88040-900, Florianópolis - SC, Tel. 48 37217312, E-mail:stephan.paul@ufsc.br

Erasmo Felipe Vergara, Universidade Federal de Santa Catarina

E. FELIPE VERGARA, Programa de Pós-graduação em Engenharia Mecânica (POSMEC), Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Caixa Postal 476; CEP 88040-900, Florianópolis - SC, Tel. 48 37219277, E-mail:e.f.vergara@ufsc.br

Downloads

Publicado

2015-10-02

Edição

Seção

Artigos