Barreiras e oportunidades para a implementação dos princípios de IPD e práticas de LPDS na gestão dos projetos de instalações da indústria de base brasileira

Vinícius Ioppi, Carlos Torres Formoso, Eduardo Luis Isatto

Resumo


A abordagem tradicional de gestão de projetos desconsidera a natureza dos projetos de construção atuais, e a teoria implícita que fundamenta esta abordagem tem sido apontada como obsoleta. Além disso, projetos com diferentes características são gerenciados da mesma forma, independentemente do nível de complexidade envolvida. Como consequência disto, muitos projetos não têm atingido seus objetivos, principalmente os de natureza complexa. O presente trabalho propõe um modelo de implantação gradual de um Sistema de Gestão de Projeto (SGP) baseado nos princípios de Integrated Project Delivery (IPD) e práticas de Lean Project Delivery System (LPDS) para o contexto dos projetos de instalações da indústria de base. O método de pesquisa envolveu a realização de um estudo inicial numa indústria de base, seguido da realização de entrevistas com agentes chaves do segmento de projetos de instalações da indústria de base. Por fim, foram realizados dois estudos de caso breves em projetos já concluídos. As principais contribuições do estudo foram a identificação das principais barreiras e oportunidades para a implementação do SGP proposto no contexto atual brasileiro e a proposição de um modelo para a sua implantação gradual.


Palavras-chave


Gestão de Projetos; Empreendimentos da construção

Texto completo:

PDF




Direitos autorais 2016 Ambiente Construído

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Indexado em: