Avaliação de impactos de vizinhança utilizando matrizes numéricas

Mário Antônio Ferreira Barreiros, Alex Kenya Abiko

Resumo


Este artigo trata do desenvolvimento de novos métodos para a elaboração e avaliação de estudos de impacto de vizinhança (EIVs). O trabalho apresenta um método que foi desenvolvido inicialmente de forma empírica, desde 2002, por meio do uso de matrizes de avaliação baseadas em critérios numéricos e que foram sendo aperfeiçoadas com o uso de novas metodologias, criadas a partir da matriz de Leopold (1971), pela adoção do método de abordagem sistêmica theory of systems approach definido por Churchman (1971) e de matrizes derivadas do método analytical hierachy process (AHP), propostas por Saaty (1991) para estudos de tomadas de decisões complexas. O método de utilização dessas matrizes foi utilizado em EIVs recentes, o que permitiu uma avaliação desse método. Os resultados indicam que o uso de matrizes numéricas pode contribuir para o aperfeiçoamento das avaliações de impactos de vizinhança.


Palavras-chave


Estudo de Impacto de Vizinhança – EIV; Matriz de Leopold; Enfoque Sistêmico; Matrizes de avaliação

Texto completo:

PDF




Direitos autorais 2016 Ambiente Construído

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Indexado em: