Proposta para adoção do Target Value Design (TVD) na gestão do processo de projeto de empreendimentos imobiliários

Carolina Asensio Oliva, Ariovaldo Denis Granja

Resumo


entrega do produto com maior valor agregado por meio da elaboração do projeto esbarra nas restrições estabelecidas pelas partes interessadas (incorporadoras, empreiteiras, subempreiteiras e clientes finais). Essas dificuldades se exacerbam tendo em vista as dificuldades impostas por um processo de desenvolvimento de produtos fragmentado, que dificulta práticas colaborativas. Além disso, objetivos, meios e restrições mudam durante o projeto até que todos estejam alinhados e consistentes entre si. Essas características fazem da aplicação do Target Value Design (TVD) uma oportunidade para promover mudanças na gestão do processo de projeto tradicional, com vistas a entregar produtos com maior valor agregado e a promover o custo como parâmetro indutor de criatividade. O objetivo desta pesquisa foi elaborar uma proposta para adoção do TVD na gestão do processo de projeto de produtos imobiliários no Brasil. Como estratégia de pesquisa adotou-se o estudo de caso exploratório, com dados coletados em um escritório de arquitetura e em duas construtoras/incorporadoras. Como resultado a pesquisa apresenta uma proposta para adoção e implantação do TVD no contexto analisado que leva em consideração níveis evolutivos de colaboração entre os agentes envolvidos no processo. A pesquisa tem orientação exploratória, visa à contribuição teórica e abre novas oportunidades de pesquisa na temática do TVD.


Palavras-chave


target value design; gestão de processo de projeto; colaboração; práticas colaborativas; processo de desenvolvimento de produto

Texto completo:

PDF




Direitos autorais 2016 Ambiente Construído

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Indexado em: