Viabilidade técnica de implantação de sistema de aproveitamento de água pluvial para fins não potáveis em universidade

Marcio Ricardo Salla, Gabriela Bernardi Lopes, Carlos Eugênio Pereira, João da Costa Moura Neto, Aline Martins Pinheiro

Resumo


Este artigo tem como objetivo analisar a viabilidade técnica de implantação de sistema de aproveitamento de águas pluviais para fins não potáveis em uma edificação com salas de aula e anfiteatros na Universidade Federal de Uberlândia, no município de Uberlândia. Dois tipos de análise foram realizadas: sob o ponto de vista quantitativo, verificando se a quantidade de água pluvial coletada supre satisfatoriamente a demanda por água não potável; e sob o ponto de vista qualitativo, verificando se, após o descarte dos primeiros milímetros de precipitação, a água pluvial coletada possui qualidade suficiente para atender a essa demanda. Os resultados indicam que a implantação desse sistema é viável do ponto de vista quantitativo, pois, durante a simulação pelo Método Netuno, obtiveram-se volumes do reservatório de acumulação com intervalo de 7,9 m3 a 18,2 m3 para um potencial de economia de água potável entre 18,2% e 53,2%. Além disso, os resultados qualitativos indicam que a implantação desse sistema é viável, pois, descartando-se os primeiros 2,5 mm de precipitação após o período de estiagem e implantando-se um sistema de retenção de sólidos suspensos mais eficiente, todos os parâmetros analisados durante a pesquisa atendem às normas NBR 15527 (ABNT, 2007), NBR 13969 (ABNT, 1997) e Manual de Conservação e Reuso da Água (AGÊNCIA..., 2005).


Palavras-chave


Viabilidade técnica - Águas pluviais - Água não potável

Texto completo:

PDF




Direitos autorais 2016 Ambiente Construído

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Indexado em: