Durabilidade de concretos com agregados reciclados: uma aplicação de análise hierárquica

Eduardo Pereira, Marcelo Henrique Farias de Medeiros, Salomon Mony Levy

Resumo


A preocupação com a destinação dos resíduos de demolição de construções e a escassez de materiais naturais para a produção de agregados têm motivado a realização de estudos sobre o reaproveitamento dos resíduos da construção em diferentes países. O presente trabalho discute o uso combinado de agregados reciclados de construção e demolição e agregados naturais, para se obter resistências adequadas do concreto, enfatizando a durabilidade dos elementos estruturais executados. A contribuição principal deste estudo foi o emprego da Análise Hierárquica (AHP), para comparar o nível de desempenho das opções consideradas. Essa técnica baseia-se na identificação dos elementos-chave para a tomada de decisão na definição de prioridades e na consistência lógica do modelo de priorização construído. Foram incluídos no estudo treze traços de concreto (um de referência mais doze variações de teores de agregados reciclados) para cada um dos três níveis de resistência à compressão de dosagem considerados (20, 30 e 40 MPa), totalizando 39 proporcionamentos de concretos. Essas variações foram avaliadas utilizando-se oito parâmetros, e o emprego da AHP teve o objetivo de proporcionar uma avaliação global dos casos estudados. A Análise Hierárquica mostrou-se eficaz no auxílio à tomada de decisões na dosagem do concreto com agregados reciclados.


Palavras-chave


Análise hierárquica; Concreto; Agregados reciclados; Durabilidade

Texto completo:

PDF




Direitos autorais 2016 Ambiente Construído

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Indexado em: