Evolução, mudanças de uso e apropriação de espaços públicos em áreas centrais urbanas

Guilhermina Castro Silva, Wilza Gomes Reis Lopes, João Batista Lopes

Resumo


As praças são locais de convívio social e de encontro com a natureza, que podem contribuir para a formação e agregação da sociedade, representando espaços importantes para manifestações culturais, sociais e políticas. O presente trabalho analia as mudanças de uso ocorridas em praças centrais urbanas, tendo como enfoque a Praça João Luis Ferreira, em Teresina, Piauí, bem como avaliar os benefícios e problemas causados pelas atividades exercidas no local, na perspectiva de que as informações geradas possam contribuir para definição de políticas públicas para ocupação desses espaços públicos. Na pesquisa, utilizou-se abordagem qualitativa e quantitativa, envolvendo análise de documentos históricos, registro fotográfico, entrevista e aplicação de questionários, visando a identificar diferentes tipos de usuários, as atividades desenvolvidas e os horários mais utilizados. Também, foi realizado um diagnóstico da situação geral da praça, a partir de observação direta, com identificação, descrição e análise dos equipamentos existentes, para avaliar se o ambiente atendia aos requisitos de conforto do usuário e de sua conservação. Com a reforma ocorrida 2000, que pretendia revitalizar o uso da praça pela população, inseriu-se um ponto de ônibus que atraiu o comércio informal, resultando em novos tipos de apropriação do espaço. Concluiu-se que os equipamentos do espaço estão medianamente conservados e a ocupação da praça está caracterizada, principalmente, pelas atividades de circulação de pedestres, lazer passivo e comércio informal.


Palavras-chave


Espaço público; Praça; Apropriação; Teresina; Piauí

Texto completo:

Sem título () PDF




Direitos autorais 2016 Ambiente Construído

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Indexado em: