Avaliação de conforto térmico em ambientes cirúrgicos utilizando método de Fanger e temperaturas equivalentes

Victor Barbosa Felix, Danilo de Moura, Marcelo Luiz Pereira, Arlindo Tribess

Resumo


Em ambientes cirúrgicos as condições de conforto térmico precisam ser as melhores possíveis para que o cirurgião e a equipe médica trabalhem em condições favoráveis para o sucesso do procedimento cirúrgico. Neste trabalho são avaliadas condições de conforto térmico em salas cirúrgicas utilizando o método de Fanger e temperaturas equivalentes. Foram realizadas medições de variáveis ambientais e avaliações subjetivas baseadas em questionários. A aplicação do método de Fanger mostrou-se adequada na avaliação de condições de conforto térmico em salas cirúrgicas, embora seja necessário cuidado especial em sua utilização e na análise dos resultados. Paralelamente, resultados de estudo comparativo com trabalhos de outros autores mostraram valores praticamente iguais de temperaturas equivalentes de conforto térmico, em torno de 22 oC, para todos os membros da equipe cirúrgica. Esse resultado é particularmente útil para avaliar diferentes condições ambientais e pessoais em propiciar condições adequadas de conforto térmico aos diferentes membros da equipe cirúrgica.


Palavras-chave


Conforto térmico; Método de Fanger; Temperaturas equivalentes; Ambientes cirúrgicos

Texto completo:

PDF




Direitos autorais 2016 Ambiente Construído

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Indexado em: