Desempenho acústico de laje com vigota e lajota: isolamento ao som aéreo e de impacto

Maria Fernanda Oliveira, Rafael Ferreira Heissler, Felipe Schneider de Lima, Fernanda Pacheco, Bernardo Fonseca Tutikian

Resumo


Considerando o uso expressivo no cenário nacional de lajes pré-fabricadas de concreto com elementos inertes de preenchimento do tipo cerâmico, este trabalho contém a avaliação do comportamento do sistema frente a ruídos aéreos e de impacto, em diferentes composições. Foram realizados ensaios em câmara reverberante vertical, conforme a ISO 10140-5:2010. As variações empregadas nos sistemas foram contrapiso, camada resiliente, revestimentos de laminado de madeira e porcelanato, reboco de argamassa e forro suspenso. Os resultados evidenciaram que o desempenho acústico ao som de impacto da laje pré‑fabricada de concreto com lajota cerâmica é afetado pelo efeito da ressonância nas cavidades das lajotas e que a adição de contrapiso pode compensar o menor isolamento acústico em comparação à laje de concreto maciço, em razão do consequente aumento na massa do sistema. Os resultados também mostraram que, para o isolamento ao ruído aéreo, não existem diferenças significativas entre os revestimentos de porcelanato e piso laminado e que a instalação do forro compensou a reduzida perda de transmissão sonora da laje vigota/lajota em relação à laje de concreto maciço.


Palavras-chave


Desempenho Acústico, Laje Pré-fabricada, Ruído de Impacto, Ruído Aéreo, Sistemas de Piso

Texto completo:

HTML




Direitos autorais 2021 Ambiente Construído

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Indexado em: