A cultura material na Rota da Seda: fontes para pesquisa em História Medieval

Autores

  • Carmen Licia Palazzo UniCeub

Palavras-chave:

Rota da Seda.Cultura material. Intercâmbio cultural.

Resumo

O objetivo desta comunicação é o de apresentar algumas fontes disponíveis para a análise do intercâmbio ocorrido durante toda a Idade Média numa vasta área geográfica, do interior da China até os portos do Mediterrâneo, atravessando a Ásia Central e o Oriente Médio e que, no período oitocentista, ficou conhecida como Rota da Seda. Demos ênfase aos objetos da cultura material e à arquitetura e destacamos: os motivos gregos na metalurgia sassânida e a circulação de jarras zoomorfas entre a Pérsia e a China; o mudejarismo como elemento da arquitetura hispano-muçulmana; os arabismos na arte italiana do final da Idade Média. Tais fontes se constituem em elementos de grande importância para o estudo dos múltiplos aportes entre etnias e culturas distintas. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Carmen Licia Palazzo, UniCeub

Doutora em História, especialista em Relatos de Viajantes, História do Oriente e História Medieval. Pesquiso temas relacionados com a alteridade e os olhares ocidentais sobre o Oriente e Rota da Seda.

Downloads

Publicado

2009-06-26

Como Citar

PALAZZO, C. L. A cultura material na Rota da Seda: fontes para pesquisa em História Medieval. Revista Aedos, [S. l.], v. 2, n. 2, 2009. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/index.php/aedos/article/view/9873. Acesso em: 24 maio. 2022.