Arte e Arquitetura mourisca e mudéjar na Espanha medieval e na América

Autores

  • Rafael Sumozas García-Pardo UFMG

Resumo

Mudéjar ou mudéjares são os muçulmanos espanhóis que permaneceram morando em território conquistado pelos cristãos, sob seu controle político, durante o processo de avanço dos reinos cristãos para o sul da Península Ibérica, que se processou ao final da Idade Média. Os mouriscos foram os espanhóis muçulmanos batizados sob ordens dos Reis Católicos, após 14 de fevereiro de 1502. Foram numerosos no sul de Aragão e Valência. Em Castela não foram abundantes, a julgar pelos dados que nos chegaram das contas de contribuição salvo no reino de Granada. A comunicação aborda o estudo da Arte Mourisca e Mudéjar, desde a sua gestação, desenvolvimento e extensão, com suas primeiras manifestações na Europa medieval, até suas manifestações na América. A comunicação pretende oferecer uma visão panorâmica do Mudéjar, como testemunho de um pensamento, de uma cultura e de um momento histórico que se manifesta através da beleza das formas. Isto implica relacionar as manifestações com o contexto histórico geral e das localidades em que tal arte ocorreu. A pesquisa pretende oferecer uma visão de conjunto dos diversos períodos medievais da arte Mudéjar, por meio do conhecimento de sua gestação, desenvolvimento e expansão na América. Para isso se fará um painel sobre as características específicas de cada período, bem como das obras mais representativas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2009-06-26

Como Citar

GARCÍA-PARDO, R. S. Arte e Arquitetura mourisca e mudéjar na Espanha medieval e na América. Revista Aedos, [S. l.], v. 2, n. 2, 2009. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/index.php/aedos/article/view/9872. Acesso em: 24 maio. 2022.