Procópio de Cesareia: um estudo sobre os francos a partir da Guerra Gótica

Autores

  • Renato Viana Boy USP

Palavras-chave:

Procópio de Cesaréia. Roma. Góticos. Francos.

Resumo

Pretendemos fazer aqui um estudo da obra Guerra Gótica, de Procópio de Cesareia (490-562). Trata-se de narrativas referentes ao período das guerras promovidas pelo imperador bizantino Justiniano visando a reincorporação da Península Itálica ao território romano, no século VI. Nos escritos de Procópio, o secretário do comandante das tropas romanas, Belisário, chama a atenção a singularidade da caracterização dada pelo historiador aos francos, chamados, na obra, de bárbaros, embora se tratassem de cristãos. Buscamos aqui apontar caminhos para compreender como essa imagem dos francos fora construída por Procópio, tendo em vista essa suposta contradição entre os conceitos utilizados pelo historiador, já que se tratava de um Império Romano oficialmente cristão no século VI.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Renato Viana Boy, USP

Doutorando em História Social pela USP, com especialidade em História Medieval.

Downloads

Publicado

2009-06-26

Como Citar

BOY, R. V. Procópio de Cesareia: um estudo sobre os francos a partir da Guerra Gótica. Revista Aedos, [S. l.], v. 2, n. 2, 2009. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/index.php/aedos/article/view/9851. Acesso em: 24 maio. 2022.