Os graus de abertura e as relações obra- recepção em Julio Plaza, em diálogo com novos estudos da cultura e a visão sistêmica

Rogério Salatini de Almeida

Resumo


O texto versa, inicialmente, sobre escritos acerca da interatividade na obra de arte, mais especificamente o pensamento do professor Julio Plaza, tangenciando a questão da recepção, ponto em que aborda as ideias do crítico literário Paul Zumthor. Percorre o caminho dos estudos do corpo na cultura pelo olhar das professoras Helena Katz e Christine Greiner, para finalmente produzir uma escrita inter-teórica acerca da definição de “obra aberta”, presente em Plaza, em relação ao conceito de “sistema aberto”, na visão sistêmica, a qual tem aqui, como base, artigo sobre o tema de autoria do professor Jorge Vieira.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.