A pintura e a poesia de Ismael Nery

Gilda Sabas Souza

Resumo


O artigo em questão tem como objetivos analisar a semelhança existente entre a poesia e a pintura de Ismael Nery. Verificar se o artista torna-se efetivamente os sujeitos líricos de suas obras, e ainda, esclarecer como ocorrem os encontros e desencontros entre os "eus" (sujeitos líricos) com o "eu" (sujeito homem) Ismael Nery. Acredita-se que esses encontros e desencontros entre o artista e seus "sujeitos líricos" (o próprio artista?) reforçam a ideia de que tanto na pintura quanto na poesia o que prevalece é a multiplicidade do poeta e pintor Ismael Nery em vários "eus", que rompem a tela e o papel e tornam-se, por vezes, um outro sujeito (espectador) que, de fora olha e, sorrateiramente, penetra em seus silêncios feitos de tintas e palavras.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.