Informação e Experiência: relações entre obra e público nos vídeorretratos de Bob Wilson

Paula Cristina Luersen

Resumo


O artigo trata das relações entre obra e público na mostra Video Portraits, de Robert Wilson e tem como objetivo discutir o papel da informação e a possibilidade de experiência implicadas no processo receptivo dessas obras. Busca-se primeiramente ressaltar a especificidade dos retratos, que conjugam músicas, textos e encenação em composições pretensamente estáticas, às quais o formato em vídeo confere temporalidade. Discute-se então o papel conferido a informação pelo público como limitador ou motivador da experiência. Os conceitos de informação e experiência são abordados sob o prisma de Jorge Larrosa e permitem questionar a velocidade imposta as relações entre o sujeito e o mundo, bem como entre os observadores e as obras, hoje.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.