Acordo Mercosul-União Europeia à Luz da Teoria Heterodoxa da Integração

Rodrigo da Cunha Brites, Maria Cristina Moreira

Resumo


O presente artigo busca analisar as negociações do acordo de liberalização econômica entre o Mercosul e a União Europeia. Devido as inúmeras abordagens sobre este assunto através do paradigma liberal e percebendo que as negociações como um processo recente de integração inter-regional, o objetivo central é aprofundar o debate utilizando a teoria heterodoxa da integração. Para isso, retoma-se brevemente o histórico de aproximação dos blocos. Em seguida, analisa-se o contexto atual das negociações para enfim destacarem-se os estímulos negativos e positivos à negociação de acordo com a teoria. Dessa forma, ficam evidentes as pressões negativas que o setor agrícola francês, que a crise institucional da UE e do Mercosul e que os movimentos sociais dos trabalhadores fazem contra o acordo.

Texto completo:

PDF