A Revolução Cultural e Popular na Líbia de 1973

Felipe Bressan Giordani, Gabriela Verdi Borges

Resumo


O presente artigo tem como objetivo discorrer sobre a Revolução Líbia, desde o Golpe Militar de Muammar al-Gaddafi até meados dos anos 1970. Dessa forma, são analisadas, dentro do escopo deste trabalho, as origens ideológicas, políticas e econômicas do processo revolucionário, que teve seu auge na imposição da Revolução Cultural e Popular em 1973, a qual, por sua vez, abriu espaço para a instauração do Estado da Jamahiriyya - ou “estado das massas” - na Líbia. A esse esforço histórico-descritivo soma-se a análise crítica de aspectos internos e internacionais envolvidos no movimento revolucionário líbio, relevante para o estudo direcionado das revoluções dentro da área de Relações Internacionais.

Texto completo:

PDF