Avanços e Retrocessos na Última Década da Integração Regional Europeia

Autores

Resumo

O presente artigo tem como objetivo entender como se dá o declínio da
integração europeia desde 2010 até 2020. Três teorias serão abordadas nessa análise histórica: neofuncionalismo, intergovernamentalismo liberal e mudança qualitativa. Esse instrumental analítico diverso aponta e nos faz compreender três eventos centrais nos contratempos recentes da União Europeia: a crise econômica e financeira com o Euro; a crise dos refugiados com o aumento de fluxos migratórios; e a crise institucional com o Brexit. A conclusão é de que os três eventos estão diretamente relacionados a uma insuficiência institucional da União Europeia, que, juntamente de Estados indispostos, origina o declínio hodierno da integração regional.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Vitor Augusto Larrosa Hatje, Universidade Federal de Santa Maria

Aluno de graduação em Relações Internacionais na Universidade Federal de Santa Maria. Contato: vaugustoh@gmail.com

Downloads

Publicado

2021-07-04

Como Citar

Larrosa Hatje, V. A. (2021). Avanços e Retrocessos na Última Década da Integração Regional Europeia. Revista Perspectiva: Reflexões Sobre a temática Internacional, 14(26). Recuperado de https://seer.ufrgs.br/index.php/RevistaPerspectiva/article/view/111591

Edição

Seção

Artigos