Idosos cuidadores em diferentes arranjos de moradia: comparação do perfil de saúde e de cuidado

Nathalia Alves de Oliveira, Érica Nestor Souza, Allan Gustavo Brigola, Estefani Serafim Rossetti, Marielli Terassi, Bruna Moretti Luchesi, Keika Inouye, Sofia Cristina Iost Pavarini

Resumo


Objetivo: Comparar o perfil de saúde física, cognitiva e psicológica e o contexto de
cuidado de idosos cuidadores de idosos em diferentes arranjos de moradia.
Método: Estudo quantitativo e transversal realizado com 349 cuidadores divididos em
arranjos de moradia unigeracional, bigeracional e multigeracional. Para avaliação foram
utilizados questionários sociodemográfico e de cuidado, e instrumentos de avaliações da
saúde física, cognitiva e psicológica. Para análises dos dados foram utilizados os testes
Qui-quadrado e U Mann Whitney.
Resultados: Os idosos cuidadores de lares unigeracionais eram mais velhos e
independentes para as atividades instrumentais de vida diária. Nos arranjos de moradia
multigeracionais houve proporção significativamente maior de cuidadores que
consideravam a renda familiar insuficiente, recebiam ajuda emocional e sentiam-se mais
sobrecarregados e estressados.
Conclusão: As diferenças identificadas entre os grupos podem contribuir para elaboração
de políticas de cuidado e promoção da saúde de idosos cuidadores.
Palavras-chave: Idoso. Cuidadores. Família. Relações familiares.


Palavras-chave


Idoso. Cuidadores. Família. Relações familiares.

Texto completo:

Português English


ATENÇÃO: AS SUBMISSÕES PARA A RGE DEVEM SER REALIZADAS NO SEGUINTE ENDEREÇO:

https://mc04.manuscriptcentral.com/rgenf-scielo

 
              

 SCImago Journal & Country Rank

 

ISSN 0102-6933 E-ISSN 1983-1447