Dificuldades para implantar estratégias de segurança do paciente: perspectivas de enfermeiros gestores

Gislene Aparecida Xavier dos Reis, João Lucas Campos Oliveira, Andressa Martins Dias Ferreira, Dagmar Wilamowius Vituri, Sonia Silva Marcon, Laura Misue Matsuda

Resumo


Objetivo: Compreender as dificuldades para implantação de estratégias de segurança do paciente no ambiente hospitalar na perspectiva
de enfermeiros gestores.
Métodos: Estudo descritivo, exploratório, qualitativo, realizado em quatro hospitais universitários públicos, utilizando roteiro de
entrevista semiestruturada, em janeiro a março de 2015. Amostra composta por 72 enfermeiros. Realizada análise de conteúdo, na
modalidade temática.
Resultados: Identificaram-se as seguintes categorias: Dimensionamento do pessoal de enfermagem inadequado; Falha no apoio da
alta direção: das políticas às ações concretas e; Déficit de adesão dos profissionais às estratégias de segurança do paciente.
Conclusões: Para que a instituição obtenha êxito na implantação de estratégias de segurança do paciente faz-se necessário a instituição
contar com serviço de educação continuada e permanente, sensibilizar e envolver desde a alta gestão aos colaboradores da linha de frente.
Palavras-chave: Segurança do paciente. Enfermagem. Gestor de saúde. Gerenciamento de riscos.


Palavras-chave


Segurança do paciente. Enfermagem. Gestor de saúde. Gerenciamento de riscos.

Texto completo:

Português English


ATENÇÃO: AS SUBMISSÕES PARA A RGE DEVEM SER REALIZADAS NO SEGUINTE ENDEREÇO:

https://mc04.manuscriptcentral.com/rgenf-scielo

 
              

 SCImago Journal & Country Rank

 

ISSN 0102-6933 E-ISSN 1983-1447