Análise das ocorrências de incidentes relacionados aos medicamentos potencialmente perigosos dispensados em hospital de ensino

Lucília Canesin Basile, Adriano dos Santos, Lucilena Bardella Stelzer, Renata Camargo Alves, Cassiana Mendes Bertoncello Fontes, Maria Helena Borgato, Silvia Justina Papini, Silvana Andrea Molina Lima

Resumo


Objetivo: Analisar as notificações de incidentes relacionados aos medicamentos potencialmente perigosos dispensados em um
hospital de ensino do interior de São Paulo.
Métodos: Estudo descritivo, retrospectivo com abordagem quantitativa dos dados provenientes da análise das notificações em farmacovigilância
que ocorreram no período de janeiro de 2009 a dezembro de 2014, a partir de tabelas e gráficos, apresentando as
frequências absolutas/relativas.
Resultados: Das 786 notificações de farmacovigilância, 188 foram relacionadas aos medicamentos potencialmente perigosos, sendo
36,7% de ineficácia terapêutica, 32,44% queixa técnica, 15,95% reação adversa, 7,44% flebite, 5,13% extravasamento, 1,06%
erro de dispensação, 0,53% erro de administração e 0,53% erro de medicação. Os profissionais que mais notificaram foram enfermeiros.
Os grupos farmacológicos de maior notificação foram drogas com ação sobre sistema nervoso (35,63%).
Conclusão: A análise demonstrou que houve um número de notificações expressivo e necessidade de adoção de estratégias a fim de
garantir maior segurança do paciente.
Palavras-chave: Segurança do paciente. Farmacovigilância. Erros de medicação. Indicadores de qualidade em assistência à saúde.


Palavras-chave


Segurança do paciente. Farmacovigilância. Erros de medicação. Indicadores de qualidade em assistência à saúde.

Texto completo:

Português English


ATENÇÃO: AS SUBMISSÕES PARA A RGE DEVEM SER REALIZADAS NO SEGUINTE ENDEREÇO:

https://mc04.manuscriptcentral.com/rgenf-scielo

 
              

 SCImago Journal & Country Rank

 

ISSN 0102-6933 E-ISSN 1983-1447