Posicionamento de gestores e lideranças de enfermagem diante dos erros divulgados na mídia

Elaine Cristina Novatzki Forte, Denise Elvira Pires de Pires, Maria Manuela Ferreira Pereira da Silva, Letícia de Lima Trindade, Dulcinéia Guizoni Schneider, Olga Maria Pimenta Lopes Ribeiro

Resumo


Objetivo: Analisar o posicionamento de gestores e lideranças de enfermagem acerca dos erros de enfermagem divulgados na mídia.
Metodologia: Estudo qualitativo, retrospectivo, documental, coleta de dados realizada em jornais do Brasil e Portugal, entre 2012 e 2016. Análise realizada no Atlas.ti, utilizando a hermenêutica de Ricoeur fundamentada na Teoria do Agir Comunicativo de Habermas.
Resultados: Gestores e lideranças destacam as condições de trabalho da enfermagem, e prestaram esclarecimentos quanto à ausência de supervisão e déficits na força de trabalho, seguiram com a abertura de sindicância interna, afastamento do cargo e demissão. As lideranças se posicionaram abrindo Processo Ético Disciplinar, realizando fiscalização, solicitando documentos e questionando acerca dos fatos, assim como repudiando algumas notas divulgadas.
Conclusão: As lideranças em enfermagem desempenham papel crucial no momento da divulgação de notícias que envolvem erros assistenciais, a fim de expor uma problemática complexa. Entretanto, isso não tem sido feito de forma eficiente.
Palavras-chave: Segurança do paciente. Enfermagem. Meios de comunicação. Liderança. Gestão de riscos.


Palavras-chave


Segurança do paciente. Enfermagem. Meios de comunicação. Liderança. Gestão de riscos.

Texto completo:

Português English


ATENÇÃO: AS SUBMISSÕES PARA A RGE DEVEM SER REALIZADAS NO SEGUINTE ENDEREÇO:

https://mc04.manuscriptcentral.com/rgenf-scielo

 
              

 SCImago Journal & Country Rank

 

ISSN 0102-6933 E-ISSN 1983-1447