Desafios e perspectivas do cuidado em enfermagem a populações em situação de vulnerabilidade

Rosana Maffacciolli, Dora Lúcia Leidens Oliveira

Resumo


Objetivo: Refletir sobre o cuidado em Enfermagem a populações em situação de
vulnerabilidade.
Método: Ensaio teórico-reflexivo, embasado no referencial da Vulnerabilidade e Direitos
Humanos.
Resultados: A abordagem psicossocial da vulnerabilidade permitiu ressignificar a noção de
necessidades de saúde de populações em situação de vulnerabilidade a partir de um
posicionamento favorável ao enfrentamento das violações de direitos que marcam o viver
dessas pessoas. Também permitiu problematizar a utilização da expressão “populaçõeschave”
para priorizar esses grupos em ações de saúde e seus desdobramentos normativos e
moralizantes contrários à proteção de direitos e aos fundamentos humanistas do cuidado.
Conclusão: Ao desenvolver esses argumentos, concluiu-se que, para superar os desafios do
cuidado em Enfermagem a essas populações, é imprescindível assimilar novas perspectivas
sobre a existência humana a partir da defesa de sua diversidade e da igualdade de direitos.
Palavras-chave: Cuidados de enfermagem. Vulnerabilidade em saúde. Direitos humanos.


Palavras-chave


Cuidados de enfermagem. Vulnerabilidade em saúde. Direitos humanos.

Texto completo:

Português English


ATENÇÃO: AS SUBMISSÕES PARA A RGE DEVEM SER REALIZADAS NO SEGUINTE ENDEREÇO:

https://mc04.manuscriptcentral.com/rgenf-scielo

 
              

 SCImago Journal & Country Rank

 

ISSN 0102-6933 E-ISSN 1983-1447