Promoção da saúde na educação básica: percepções dos alunos de licenciatura em enfermagem

Juliana Pereira da Silva, Marlene Fagundes Carvalho Gonçalves, Luciane Sá de Andrade, Estela Maria Leite Meirelles Monteiro, Marta Angélica Iossi Silva

Resumo


RESUMO
Objetivo: Analisar como estudantes de um Curso de Licenciatura em Enfermagem compreendem o conceito de promoção da saúde, sua percepção sobre o trabalho do enfermeiro na educação básica e sobre as práticas de promoção da saúde para formação enquanto enfermeiro-educador.
Métodos: Estudo qualitativo, descritivo e exploratório, realizado em 2015, com 11 estudantes de uma Universidade Pública do interior do estado de São Paulo. Os dados foram coletados através de entrevistas semiestruturadas e analisados segundo análise de conteúdo, modalidade temática.
Resultados: Identificou-se três núcleos temáticos: “Promoção da Saúde: superando o modelo hegemônico da racionalidade técnica”; “O trabalho do enfermeiro na educação básica:intersetorialidade e interdisciplinaridade” e “Promoção e educação em saúde na escola: a prática educacional dialógica e reflexiva”.

Conclusão: A concepção e as práticas de promoção da saúde favorecem o processo de formação e potencializam as ações dos enfermeiros licenciados na efetivação das mudanças sociais e empoderamento dos indivíduos.

Palavras-chave: Promoção da saúde. Educação em enfermagem. Educação em saúde. Estudantes de enfermagem.


Palavras-chave


Promoção da saúde. Educação em enfermagem. Educação em saúde. Estudantes de enfermagem.

Texto completo:

Português English


ATENÇÃO: AS SUBMISSÕES PARA A RGE DEVEM SER REALIZADAS NO SEGUINTE ENDEREÇO:

https://mc04.manuscriptcentral.com/rgenf-scielo

 
              

 SCImago Journal & Country Rank

 

ISSN 0102-6933 E-ISSN 1983-1447