Qualidade de vida de idosos e sua relação com o trabalho

Iluska Pinto da Costa, Valéria Peixoto Bezerra, Maria de Lourdes de Farias Pontes, Maria Adelaide Silva Paredes Oliveira, Francisca Bezerra de Oliveira, Cláudia Jeane Lopes Pimenta, Cleane Rosa Ribeiro da Silva, Antonia Oliveira Silva

Resumo


Objetivo: Avaliar a qualidade de vida entre idosos que trabalham e não trabalham.
Método: Trata-se de um estudo descritivo, de corte transversal e abordagem quantitativa com 113 idosos, no período de junho a setembro de 2014, em um grupo de convivência no município de Cajazeiras - PB, utilizando-se os questionários sociodemográficos, o WHOQOL-BREF e WHOQOL-OLD. Os dados foram analisados mediante estatística descritiva e testes T de Student e Mann-Whitney.
Resultados: A partir da análise observou-se que os idosos que trabalham apresentaram maiores escores médios na maioria dos domínios do WHOQOL-BREF e facetas do WHOQOL-OLD, 
evidenciando-se o domínio Psicológico (70,0) e a faceta Habilidades Sensoriais (72,5). O domínio físico apresentou diferença estatisticamente significante (p=0,046) entre os dois grupos.
Conclusão: O estudo demonstrou que o trabalho é um fator importante para a qualidade de vida do idoso.
Palavras-chave: Idoso. Envelhecimento. Trabalho. Qualidade de vida.


Palavras-chave


Idoso. Envelhecimento. Trabalho. Qualidade de vida.

Texto completo:

Português English


ATENÇÃO: AS SUBMISSÕES PARA A RGE DEVEM SER REALIZADAS NO SEGUINTE ENDEREÇO:

https://mc04.manuscriptcentral.com/rgenf-scielo

 
              

 SCImago Journal & Country Rank

 

ISSN 0102-6933 E-ISSN 1983-1447